Segunda-feira, 30 de Junho de 2008
comentar

O meu jantar de hoje foi em companhia da nossa Odete e da Maria José do PP.

A conversa estava animada. O Mário Crespo esteve quase sempre calado enquanto eu desfrutava o meu arroz vaporizado com lulas guisadas. Discutiu-se a inflação e o cabaz da família típica portuguesa. Típica conversa para se ter à mesa. Tudo calmo tudo tranquilo.

Entretanto o Mário atira para cima da mesa o tema do código do trabalho. A Odete aumentou imediatamente a intensidade do drama. A voz seguiu o momento e foi aumentando o volume até ao timbre contestatário. Continuei a ver e a ouvir. Não porque  tivesse comido o meu prato de arroz vaporizado com lulas guisadas, mas porque comecei a pensar numa certa felicidade que os partidários de uma esquerda esquerda têm quando se fala de pobreza. 

É curioso observar como um comunista reage à palavra pobreza: tranquilamente. No entanto, quando se profere a palavra  trabalho, ou código, ou empresário, ou empregado, ou mercado, ou liberdade, ou função pública, ou agricultores, a descarga de adrenalina é visível a olho nu. A face mais rosadinha, a alteração da dimensão da pupila e os gestos mais bruscos são óbvios sinais de alteração do estado emocional.

Imaginei agora que Portugal é um país empreendedor com boas lideranças. Com um baixo nível de desemprego a longo termo, uma razoável noção de sociedade e uma pitada de concorrência e confiança.

NÃO EXISTIAM COMUNISTAS NEM BLOQUISTAS.

No mercado livre há sempre quem ganhe com a crise!

 

Tags: ,
comentar

O Instituto de Telecomunicações (IT), a «Miguel Rios Design» e a «YDreams» desenvolveram uma farda «inteligente» que transmite a localização e os sinais vitais de bombeiros, envolvidos no combate a incêndios.

Incorporado com um sistema de telecomunicações e sensores, desenvolvido pelo pólo de Aveiro do IT, o novo fato de bombeiro passou no teste de certificação e foi ensaiado em simulações de combate a fogo, tanto em campo aberto como em floresta, tendo já a respectiva patente registada, com três protótipos.

O sistema, denominado I-Garment, foi financiado pela Agência Espacial Europeia e desenvolvido para a gestão de catástrofe, «uma das áreas onde a comunicação via satélite desempenha um importante papel».

O vestuário incorpora componentes de aquisição de sensibilidade e de dados, telecomunicações e software, procurando responder à necessidade de se saber onde cada membro da equipa se encontra durante a emergência.

Visa ainda determinar as suas condições de saúde, em tempo real, permitindo que as substituições sejam organizadas, adequadamente, e que as equipas sejam deslocadas de acordo com as necessidades operacionais da situação.
 

1 comentário

Um funcionário da Câmara de Esposende apenas trabalhou 42 dias nos últimos quatro anos, uma situação facilitada por disposições legais que permitem «justificações de faltas por doença, no mínimo, duvidosas», denunciou hoje o autarca local.

comentar

"Without Transparency, Catastrophe Lies Ahead" - por Jim Cramer 

"Here we are more than $400 billion in the red on mortgage bonds and we still don't know anything about them! We don't know what's in them, how to freely trade them, how to break them up and reconstitute them, and we have no reliable predictions of their cash flows.
We have seen the banks collapse and we know that residential mortgages -- not private equity or commercial loans -- are almost entirely the reason. That's the Wachovia story, the Washington Mutual , Citigroup  and Bank of America stories.
What's strange is that we are beginning to bump into a difficult issue: are the losses exceeding the real losses? Are the bonds that worthless? Is the issue what was paid for the bonds, or the default rate of the bonds? Is the issue geographic? Is it related to home-equity loans? Loan guarantees made by the banks?
One thing is certain: We know nothing about the exposure of the plummeting banks to the real housing market. Sure, in cases like Downey, the loans are visible, but they are bad construction loans that will most likely wipe out that bank.
We don't know, though, the loans that are dogging Lehman or Merrill,  or Bank of America or Wachovia. The Lehman and Merrill loans seem left over from mortgages they didn't get out the door or mortgages they bought, but it isn't like you hear the banks say, "We have looked at each mortgage that is related to each issue, and we find them paying off and the bonds undervalued."
We still don't know what cents on the dollar to put them.
We've had this problem for more than a year, and we are still nowhere near the bottom of it, which is why there is no bottom to the bank stocks at all.
Presumably at a certain point someone will figure out what some of these bonds will be worth, but that's been masked by ratings agencies and insurance that didn't pan out that made figuring out the bonds imperative.
Mind you, outfits like Washington Mutual, Bank of America and Wachovia have their own mortgages that were not securitized and their own home-equity loans that are known to them. Bank of America, in particular, with the acquisition of Countrywide, which issued about 20% of all loans, might be able to figure out what's defaulting and what's not. Washington Mutual's firing of James Corcoran, the architect of the willy-nilly retail banking growth at that company, is a good sign, but the best would be firing the knucklehead "banker" Kerry Killinger, who really is responsible for the destruction of a great American bank.
But in the end we go back to being unable to calculate, which then makes the banks unable to figure out how much capital they need to put up, which then causes still more rounds of capital to be raised and a burying of those who went before the previous raise.
All of this -- the lack of transparency, the lack of knowledge -- makes the process of valuing just impossible. That's why, without some sort of Resolution Trust for Commercial Mortgages and without an aid package that gives the FHA billions of dollars to help defaulting borrowers refinance, we are looking not at runs on the bank, but at a crushing of the equity of most of the majors and a recapitalization of the industry.
I know the oil situation is wiping out the airlines and playing havoc with the consumer and most likely causing a recession, but it is the banks that are most worrisome. A recession arguably reduces earnings significantly, but the balance sheets of corporate America are very strong and downside surprises from 14-times-earnings firms won't cause 50% declines from here, more likely 5% to 20% -- painful, but not a wipeout.
However, unless these banks began to tell us what they really have -- I don't even bother talking about the SEC anymore, they have ceased to play any role in disclosure for financials -- and own up to what is no longer covered by insurance, it is no longer unthinkable to believe that many of the top 10 banks in this country may soon be technically insolvent and in need of taking over by the government. Believe me, in those situations, the least of the worries is the common stock holder; he immediately gets wiped out in the process. "

 

Nota: Alguns bons conselhos para quem tem algum capital para investir ou está inseguro quanto aos actuais investimentos por Bruce Berkowitz 

Tags:
1 comentário

O líder do Partido da Nova Democracia (PND), Manuel Monteiro, admitiu hoje estar "disponível" para "extinguir" o partido, de modo a "criar uma força política de direita, virada para o futuro" e para "acabar com a podridão", noticia a agência Lusa.
Segundo afirmou hoje Manuel Monteiro à Lusa, "estou disponível para extinguir a Nova Democracia e criar uma força política de direita virada para o futuro e acabar com a podridão".
"Os partidos são meios ao serviço de projectos e de ideias e mais importante que saber se sou ou não candidato, é saber se o PND está disponível para trabalhar numa lista para as legislativas. Estou disponível para formar uma força de direita, grande e alargada", reiterou Manuel Monteiro.
"Actualmente temos [o PND] uma força política superior à nossa força eleitoral e como tal não estou aqui para andar a brincar aos  partidos", disse.
Ainda segundo Manuel Monteiro, está marcada uma reunião do PND para o próximo dia 5 de Junho, em Lisboa, para se discutir "o futuro do partido".

Ideias precisam-se....sem vectores ideológicos?Democrata-cristão?Liberal?Lógica Sarkosy ou estilo Berlusconi?Cocktail de direitas?

Ser de direita só por ser não chega, ou pior ainda apenas para se dizer que é de direita não vale a pena, para isso já existe um complexado, desmotivado, esgotado e traumatizado CDS/PP.....

Que tal aplicar uma receita Pedro Passos Coelho-liberal-directo-coerente com líder qualificado com carisma e sem conotações à geração 25 de Abril ou os seus sucedâneos policopiados monocromáticos na Direita?Eu acho que funcionava...mais, acredito que faz falta mesmo no actual panorama desequilibrado do espectro politico português.

Tags:
comentar

Verifiquei que a Espanha ganhou o Europeu. Como disse noutro dia e por razões diferentes revelei-me incapaz de torcer por qualquer dos finalistas. Mas a certa altura reparei que torci inconscientemente não por uma das equipas, mas por um homem. Torci por Luís Aragonés. Antes de acabar o torneio o homem revelou que tinha assinado pelo Fenerbache da Turquia e que se ia embora da selecção. Que pecado, que desestabilização na equipa, que mal feito. Evidentemente a selecção espanhola ressentiu-se desse inoportuno anúncio: ganhou só por um à Alemanha. Esta entrada é dedicada aos inteligentes portugueses que todos perceberão quem são. Com o Dr. Madail à cabeça da dedicatória.

 

(Luís Aragonés)

 

(publicado no Tomar Partido)

Tags:
2 comentários

Jaime Silva acusou hoje Marcelo Rebelo de Sousa de falta de “honestidade intelectual” e incoerência, depois de ontem à noite o comentador o ter apelidado de “maior incompetente do mundo”.
Jaime Silva lembrou que quando chegou ao cargo, em 2005, foi apelidado de “competentíssimo” pelo mesmo comentador que meses depois, quando decidiu suspender ajudas aos agricultores, o acusou de estar a adoptar uma “atitude que não era legal”. “Ele se tivesse tido um pouco de pudor teria de ter pedido desculpa aos seus ouvintes, na medida em que o provedor de justiça me veio dar razão e na medida em que dos casos postos em tribunal ainda não perdi nenhum”, lamentou o ministro, acusando Marcelo Rebelde de Sousa de “dizer tudo e o seu contrário”.
Retribuindo as críticas que lhe foram feitas, Jaime Silva disse que falta ao antigo dirigente do PSD a “grandeza dos grandes políticos” que falam perante as câmaras, aceitando “o debate e o contraditório”. “Esta coisa de num programa de entretenimento, quase como no ‘Gato Fedorento’, chegar, bater e fugir, não é [próprio] dos grandes políticos”, concluiu.

comentar

Independentemente de se saber quem vai ganhar as eleições norte-americanas, parece ser claro que, nos tempos que se avizinham, Al Gore já ganhou, e a sua prioridade para a queda das emissões de CO2 vai tornar-se incontornável também nos EUA.

 

Quer isto dizer que o clima internacional se vai tornar cada vez mais marcado já não pelo protocolo de Kyoto - cuja vigência terminará em 2012 - mas pelo que o vai substituir, espera-se que já em finais de 2009, na cimeira de Copenhaga, com medidas que, a julgar pelo que nos disse o recente relatório da Agência Internacional de Energia, terão de ser muito mais draconianas que as que foram tomadas em Kyoto.

 

 

comentar

Só para informar os mais paternalistas, que por não poder fumar em recintos fechados, não vá apanhar um cancro nos pulmões, dirigi-me este domingo para uma esplanada abrasadora a fim de acumular o dos pulmões com um cancro de pele!

 

E como eu há já muitos. Um destes dias aparece no maço a dizer que fumar provoca insolação! Muito obrigado por se preocuparem tanto...

Tags:
comentar

O combate à imigração ilegal é uma das prioridades do presidente francês Nicolas Sarkozy, salienta o diário referindo-se ao cenário de criação de um bunker europeu, o qual contraria as projecções da própria Comissão Europeia de que o bloco economico necessitará de 50 a 110 milhões de imigrantes até 2060, para compensar a tendência de envelhecimento da população e consequente falta de mão-de-obra.

 

Não haja dúvidas que a primeira de várias e decisivas matérias a abordar pela Presidência gaulesa (como a Agricultura e a Defesa), que começa amanhã, é o primeiro mau sinal dado por Sarkozy.

Transformar a UE num bunker, quando a União precisa de imigrantes, é um retrocesso que só as mentes mais populistas são capazes de defender.

Espera-se que haja bom-senso e que os restantes Estados não sigam as pretensões de Sarkozy, pois na era global, para singrar, não é com clausuras que se desenvolve.

Veremos, então, se Sarkozy tem ou não coragem para mudar a Política Agrícola, essa sim, que está desfasada e só serve uns quantos agricultores, por sinal, a maioria, franceses.   

Tags:
3 comentários

Não há nada como, ao menos, por uma vez na vida falar verdade. Foi o que fez o antigo Presidente da República francês Valery Giscard d'Estaing, o verdadeiro "pai" da Constituição Europeia. Disse ele, de forma simples, aquilo que muitos eurocratas tentam esconder: que os referendos são para ignorar. E viva a democracia!

 

"The Telegraph reports that former French President and chief architect of the EU Constitution Valery Giscard d'Estaing has said that referendums will be ignored whether they are held in Ireland or elsewhere. Giscard d'Estaing told the Irish Times that Ireland's referendum rejection would not kill the Treaty, despite a legal requirement of unanimity from all the EU's 27 member states. He said, "We are evolving towards majority voting because if we stay with unanimity, we will do nothing. It is impossible to function by unanimity with 27 members. This time it's Ireland; the next time it will be somebody else."

He also admitted that the Lisbon EU Treaty had been carefully crafted to confuse the public: "What was done in the [Lisbon] Treaty, and deliberately, was to mix everything up. If you look for the passages on institutions, they're in different places, on different pages. Someone who wanted to understand how the thing worked could with the Constitutional Treaty, but not with this one." He also said "there is no alternative" to a second Irish vote, saying, "Everyone agrees it has to be sorted out by the time of European elections."

Tags: ,
comentar

A inflação na Zona Euro voltou a agravar-se em Junho para quatro por cento, atingido o valor recorde desde a criação do espaço do euro, em 1999.
Esta inflação é  um exagero, tanto tempo a resistir à descida da taxa de juro de referência da Zona Euro por parte do BCE e afinal...nem assim a inflação se aguentou!

Se calhar terem descido 50 ou 75 pontos teria sido mais proveitoso, certo que seria um estimulo ao consumo mas , quiçá, teria sido mais importante o estímulo ao investimento na economia europeia e alguma folga para empresas em situação mais difícil (mas que não seria suficiente para salvar as empresas em situação mesmo precária, o que é bom, salvar elefantes brancos é má politica...penso eu!).E agora?Toca de subir a taxa...

 

O DIAP/Porto arquivou uma queixa contra Rui Rio, por alegado uso abusivo da imagem de um arrumador de automóveis na ilustração de um artigo da revista municipal da autarquia sobre tratamento de toxicodependentes, disse hoje fonte judicial.
Grande exagero que poderia ter sido resolvida amigavelmente entre a Autarquia e o cidadão apresentado correctamente como "arrumador de carros" mas que o próprio alegou que o conotava como toxicodependente, não havia necessidade!

Afinal a justiça não é tão má quanto o "acossado pela Justiça" Rui Rio se tem queixado recentemente...

 

Está em vigor há seis meses mas o seu cumprimento é “confuso”. A lei antitabaco está a ser violada e a Autoridade para a Segurança Alimentar e Económica (ASAE) faz uma inspecção insuficiente, revela hoje um estudo a pedido da Confederação Portuguesa de Prevenção do Tabagismo

Exagero...então um lei que parecia confusa antes de publicada, se "confunde" no dia em que entra em vigor no que a casinos diz respeito, continua confusa com declarações e pareceres contraditórios, é agora noticia porque "existe confusão"!?!Qual é a novidade?

Surpresa seria a total clarificação da lei com o apoio das associações do sector e da ASAE, isso é que era...

 

O primeiro-ministro assina hoje ao meio-dia, em Bragança, o contrato de adjudicação do aproveitamento hidroeléctrico do Baixo Sabor. Mas as organizações ambientalistas que integram a Plataforma Sabor Livre (PSL) estragaram-lhe a festa, interpondo uma providência cautelar para impedir a construção do empreendimento.

Adorei a expressão  "estragaram-lhe a festa", imparcialmente e porreiramente porreira!

Mas de facto o que esta noticia demonstra é a participação activa dos cidadãos na vida pública e na defesa dos seus interesses através do associativismo ou de outro tipo de plataforma...bom!

Quanto aos movimentos eco-verdes e uma certa tendência de se resumirem ao "build nothing,anywhere, anytime", isso é péssimo!

Queremos energias limpas, uipi!Mas não pode ser nuclear, nem barragens, nem eólica por causa das aves, nem fotovoltáica por causa doutros bicharocos quaisquer, e quando se chegar à fase de experimentação da energia das ondas deverão existir manifestações de vários cardumes de peixes!!!

Temos de ser razoáveis e sensatos, fazendo o melhor, da melhor forma, servindo as gerações futuras de forma razoável e previdente, actuando hoje sobre o ambiente de forma responsável mas, que raio, temos de fazer opções, desde que se acautelem riscos e se minimizem prejuízos...dizer nunca a tudo é impossível!

É que de tanta energia "limpinha" e "eco-fixe" nenhuma é lucrativa sem "subsidiodependencia estatal"!As barragens são um excelente investimento, o resto vamos ver....mais tarde ou mais cedo, com maior ou menor histeria, com mais tabus ou menos fobias, teremos de equacionar seriamente a alternativa nuclear!Garantidamente... 

 

O petróleo atingiu novos máximos históricos, acima dos 143 dólares por barril, quer em Londres quer em Nova Iorque. O crude tocou nos 143,67 dólares enquanto o “brent”, que serve de referência às exportações europeias, atingiu os 143,91 dólares, aproximando-se cada vez mais dos 144 dólares por barril.
Por falar em BARRAGENS e ENERGIA NUCLEAR.....

 

Adenda:

O Tribunal de Instrução Criminal do Porto decidiu hoje não levar a julgamento o presidente do FC Porto, Pinto da Costa, no processo Apito Dourado relativo ao jogo FC Porto-Estrela da época 2003/04.
Parece que as noticias da "morte" de Pinto de Costa foram manifestamente EXAGERADAS!

Afinal....havia outra!E sem nada saber afinal o FCP lá foi levando a água ao seu moínho!

 

Termina hoje aquele que é o pior semestre de sempre para a maioria dos índices de referência das bolsas mundiais, incluindo a portuguesa. A um dia do fecho do semestre, que muito pouco pode fazer face às elevadas perdas acumuladas, cinco índices Europeus registam quedas históricas: Lisboa, Madrid, Paris, Frankfurt e Milão.
E porque é que estanoticia não é um exagero?Porque é a simples constatação duma realidade....para grande preocupação de muitas empresas e desespero de muitos pequenos investidores!!!!

Domingo, 29 de Junho de 2008
3 comentários

Uma juíza canadiana retirou uma punição imposta a uma jovem de 12 anos pelo seu pai que a tinha proibido de participar numa viagem escolar mas este recorreu da decisão da justiça, informou a sua advogada, citada pela agência Lusa.

Por este andar pais e filhos ainda terão de se sindicalizar, realizar acordos colectivos de mesada, discutir regulamentação de horários de saídas nocturnas e normas de alimentação!!!!!

Que saudades do Pai Natal....

comentar

...5 anos é muita ventania dada. Apesar de algumas correntes de ar que me deixam com aquelas pontadas de discórdia, a verdade é que na maioria, o Nortadas, continua a dar à blogosfera ventos muito favoráveis. E não são todos que se podem orgulhar de uma vida tão longa! Os meus parabéns a todos aqueles que por lá escrevem!

Tags:
comentar

 

Justa e merecidamente Espanha sagrou-se campeã europeia de futebol com um jogo positivo, bonito e inteligente passeando classe e qualidade nos relvados do Euro 2008.

Podíamos ter sido nós?Talvez sim mas por qualquer razão parece-me que não, nem tínhamos seleccionador nem me pareceu que os nossos jogadores tivessem todos absolutamente concentrados neste desígnio.

Esperemos que o senhor Platini não aproveite este facto, bem como o do Apito Dourado, e a interpretação que  o ex-jogador gaulês faz da justiça desportiva (existe uma justiça para italianos e outra para lusitanos) para forçar a candidatura exclusivamente espanhola ao Mundial 2018....

É que nesse Mundial, se for a "meias" com a Espanha, no ano de 2018 terá o José Mourinho cerca de 54 anos, presumivelmente a abertura será em Lisboa e o encerramento em Madrid, tenho um "feeling" que poderemos fazer História...é só um feeling!

Tags: ,
comentar

Apostava, inicialmente, na pérfida Itália para conquistar o Campeonato Europeu. Porém, a fraca squadra azzura deste europeu defrontou e tombou perante a, até agora, invencível armada espanhola que levou a melhor em todos os jogos que cumpriu nesta competição e chega à final com mérito próprio.

Mourinho bem tinha dito, antes de começar a competição, os espanhóis têm uma grande selecção.

De qualquer modo, estando nuestros hermanos na final, quebrando com o enguiço de várias décadas em que nada fazia na recta final das competições e como me habituei no tempo em que a nossa selecção não ia às fases finais ou ficava eliminada na primeira parte da competição a apreciar e a gostar da Mannschaft, hoje, uma vez mais, vou continuar a manter-me fiel, mesmo reconhecendo que a selecção alemã já não é a boa praticante de outras eras. Aber, Deutschland ist Deutschland!

Tags:
comentar

por Ferreira Fernandes no DN

 

Só para lembrar: prosseguem os julgamentos em Palermo e na Sardenha, ou não? Sim, na Sicília, onde ser mulher de juiz pode levar, no mercado, a escutar esta pergunta assustadora: "A senhora mora na rua X, no terceiro esquerdo, não é?" Sim, na Sardenha, a capital dos raptos, onde os filhos dos juízes vão à escola. E, então, os juízes continuam a julgar? Pelo que eu sei dos costumes indígenas (os da minha terra), não deviam. Deviam suspender por falta de condições de segurança.

 

 

Claro que exigiu guarda-costas. Ele e os juízes de Palermo, da Sardenha e do País Basco não são suicidas, nem aqui os chamaria se fossem heróis tolos. Não misturam é o cu com as calças: o facto de serem alvo dos bandidos não os impede de exercer o que são. Não fecham as portas ao primeiro susto. Combatem quem os assusta tornando-se mais eles, mais juízes. Porque o susto os convenceu ainda mais que são necessários. As agressões do Tribunal da Feira deviam ter convencido os juízes, assim: "Olha, sou mesmo necessário." Em vez disso, suspenderam-se.

Um juiz que suspende julgamentos porque durante um julgamento se cometeu um crime, é um juiz que não acredita que os julgamentos servem para combater os crimes. E, já agora, do ponto de vista do criminoso: se um crime num julgamento acaba temporariamente com os julgamentos numa comarca, porque não mais crimes desses para prolongar a suspensão de julgamentos? E porque não estender a táctica a todos os tribunais portugueses?

 

Tags: , ,
4 comentários

Como já tinha referido aqui, as empresas de videojogos, com a Nintendo á cabeça, descobriram um novo filão: os jogos saudáveis. Esta cultura de obrigar os jogadores a sair do sofá está a dar frutos, principalmente pelas novas aplicações que são dadas a este tipo de jogos, surgindo cada vez mais estudos e aplicações interessantes para este tipo de tecnologia que inicialmente apenas perspectivávamos na vertente do lazer.

 

Resta saber se esta tendência é para manter, ou se é apenas um moda passageira. De qualquer forma, a possibilidade de se puder ajudar pessoas a partir de um objecto tão aparentemente inócuo como um videojogo não deixa de ser excitante.

 

 

comentar

Painéis solares que funcionam à noite e com chuva

 

Mais uma inovação de uma empresa portuguesa que consegue aliar um modelo de negócio rentável e economicamente viável com a preocupação ecológica e a disponibilização de formas de produção de energia alternativas aos fósseis.

 

Um bom sintoma de uma doença que nos devia contagiar a todos.

1 comentário

Desmond Tutu apela a uma intervenção internacional urgente no Zimbabwe, militar se tiver que ser 

 

Os restantes lideres africanos é que parecem ter outras prioridades, outros jogos, parecem ter-se tornado piores do que o sistema que um dia juraram combater...quem diria!

 

 

 

Ao contrário das ultimas eleições, nas quais a contagem levou 5 semanas, desta vez levou menos de 24 horas....estas imagens mostram como é possivel -

 

Tags: , , ,
comentar

Israel tem um ano para destruir as instalações nucleares iranianas sob pena de se tornar alvo de um ataque com armas atómicas do Irão, defendeu hoje o antigo líder da Mossad, os serviços secretos israelitas.

 

O quem tem de ser, tem muita força, as peças já se colocaram há muito tempo no tabuleiro, nunca foram tomadas as decisões passíveis de ajudar a evitar este desfecho, a Real Politik, a teoria do Dominó, a Guerra Fria, o fim do Bloco de Leste e da hegemonia de Moscovo naquela área, a falta de pulso de Washington e as opções Republicanas em relação ao Médio Oriente, a debilidade Europeia como actor no conflito israelo-árabe, a evolução da posição palestiniana no contexto árabe como mártir/marioneta, tudo isto empurrou Telavive para uma nova "Masada"...2000 anos depois acredito que a opção hebraica será a mesma, o que curiosamente parece estar de acordo com a Bíblia e tornar verosímil alguns escritos de Nostradamus.

 

Tags: ,
comentar

O criador do império Microsoft, Bill Gates, retirou-se na sexta-feira da companhia que o converteu no homem mais rico do mundo, num momento de incerteza para o gigante informático, que vive tempos agitados.

 

Quer se goste quer não, uma das maiores personalidades do Século XX que deixa uma marca indelével como herança para o Século XXI

 

Sábado, 28 de Junho de 2008
3 comentários

 

Chegado o tempo quente as formigas vêm para o exterior em busca de mantimentos. No jardim de minha casa há um formigueiro, desde o início da semana que, todas as manhãs, quando estou a sair de casa, vejo as formigas em carreiro, mais ou menos alinhadas, a ir buscar alimento. Felizmente que vão para o lado oposto da minha casa.

 

Hoje, sábado, saio cedo de casa e lá estão elas em plena labuta. Regresso perto da hora de almoço e ... não vejo uma formiga para amostra. Fiquei curioso. Após o almoço vou ao jardim fumar um cigarro e eis que elas estão de regresso.

 

Até as formigas têm regras laborais, nomeadamente a sua hora de almoço. Mesmo que trabalhem ao fim de semana.

 

O próximo passo será perceber quantas horas diárias dedicam elas para fazer as contas e ver as horas semanais.

 

Tags:
comentar

 

Call of Duty 5 - Socrates Revenge

"Opposition" worst nightmare is back!

First he took the Warrior Kid, now he will take the Milk Lady...

 

Adenda: a ler o quanto antes, acerca dos "jogos de luta", o post Luta de classes segundo o PCP, n'O Jumento

Tags:
5 comentários

Ferreira de Oliveira atribui à "especulação" a culpa pela escalada dos preços do petróleo que, considera "não estar ligada aos fundamentais da indústria".
Mas não acredita que a situação "se mantenha assim e que não haja poder público que obrigue estes agentes a sair do mercado e deixar trabalhar quem lá está para ficar".

Ao ritmo a que "andamos" a culpar e a acusar de TUDO os "especuladores" (que por definição somos quase todos) iremos conseguir, consciente ou incoscientemente, não descortinar as verdadeiras CAUSAS dos problemas/falhas do actual modelo/sistema económico-financeiro e implementar  medidas e reformas que corrijam as verdadeiras RAZÕES que levaram a esta fase ou ciclo económico.

A ESPECULAÇÃO parece ser o novo "vocês sabem do que eu estou a falar" SISTEMA....é o bode expiatório, o cordeiro sacrificial, a virgem a ser sacrificada aos deuses para acalmar a ira dos mercados!

Pensar assim e falar assim, pior ainda, agir em função deste pensamento analgésico e destas ideias ansiolíticas é garantir que não iremos aproveitar esta crise para mudar, para evoluir, para reformar, não iremos tentar aproveitar esta situação para nos tornarmos mais competitivos, mais fortes, mais resistentes e assim não poderemos a escapar de forma alguma a todas e quaisquer crises, grandes ou pequenas, longas ou curtas que nos venham a afligir no futuro....porque elas virão!

 

 

Tags: , ,
1 comentário

Francisco Queirós, professor e Coordenador da Comissão Concelhia de Coimbra do PCP, habitual colunista do Diário As Beiras, apresenta-nos, na sua coluna de dia 26 de Junho de 2008, um texto intitulado "O valente Dinis", o qual começa da forma seguinte: 
 

"José Sócrates esteve em Coimbra a 14 e 15 deste mês. Entre visitas e inaugurações teve tempo para convidar os sindicatos para uma reunião. Os dirigentes sindicais do distrito embora sem falsas esperanças não perderam a oportunidade de expor as suas posições ao primeiro-ministro. No início do encontro, mandavam as mais elementares regras de boa educação, o chefe do governo deveria cumprimentar os seus convidados com civilidade. O que fez Sócrates ? Dirigiu-se aos sindicalistas: "Então hoje como os senhores estão aqui não organizam nenhuma daquelas manifestações para me insultar?". Um dos dirigentes sindicais rebateu: "Senhor primeiro-ministro permita-me que lhe diga que a forma como se nos dirigiu não foi nada correcta! Participo sempre em todas as manifestações contra as políticas do seu governo e nunca o insultei!". Os presentes aguardaram ainda um pedido de desculpa, talvez uma discreta correcção de tom e de forma ... Mas não! Sócrates acrescentou: "Ah! então vocês são os cobardes que ficam atrás a empurrar os que me insultam ..."

Tags: ,
comentar

De acordo com um relato de um professor escrito em acta, a directora regional de Educação do Norte, Margarida Moreira, pediu aos conselhos executivos das escolas para terem atenção na escolha dos docentes que vão corrigir os exames, e disse que “talvez fosse útil excluir de correctores aqueles professores que têm repetidamente classificações muito distantes da média.” Os “alunos têm direito a ter sucesso” e o que “honra o trabalho do professor é o sucesso dos alunos” terá dito imediatamente antes e depois.
"Talvez fosse útil"? Bem, ou é ou não é....parece-me!

Talvez fosse útil é trocar a directora da DREN, isso é que seria talvez bem pensado, por uma assinalável soma de razões cada uma destas muito distante da média....no fundo é tudo uma questão de estatística também.

 

O juiz Renato Barroso considerou que Vale e Azevedo não reúne condições para beneficiar de liberdade condicional e refere em despacho que a sua condenação, em cúmulo jurídico, pode chegar aos 18 anos de cadeia, disse hoje o próprio magistrado.
Esta foi a resposta do magistrado da 5ª Vara Criminal do Tribunal da Boa-Hora, em Lisboa, a dois requerimentos interpostos pelo advogado de João Vale e Azevedo, José António Barreiros, e pelo seu representante legal em Inglaterra.

 

Neste contexto, estas declarações caiem bastante mal:

 

O bastonário da Ordem dos Advogados (OA), António Marinho Pinto, disse ontem que Vale e Azevedo tem “razões de queixa da Justiça portuguesa” e expressou estranheza por ainda não ter sido feito cúmulo jurídico ao ex-presidente do Benfica.
João Vale e Azevedo “foi humilhado publicamente, foi preso perante as câmaras de televisão à saída de um restaurante. (...) Foi julgado por um juiz que era do Benfica. Tudo isto faz com que ele tenha razões para se queixar da Justiça portuguesa”, disse aos jornalistas, à margem de uma audição na Comissão Parlamentar de Assuntos Constitucionais.

Ora o Bastonário da Ordem dos Advogados já confirmou o que todos sabíamos, existe justiça para ricos e justiça para pobres, única razão para existirem centenas ou milhares de detidos devido a erros cometidos na sua defesa por parte de estagiários ou jovens advogados.

Agora vem "dar razão" a Vale e Azevedo, porque um juiz era do Benfica!!!Do Benfica!!!

Que ser do Benfica não é virtude para ningém sei eu há muitos anos, mas daí até inibir alguém de julgar em total imparcialidade....não exageremos!

Que é bizarro alguém sair em liberdade apenas por 17 segundos e voltar a ser detido, que é estúpido que nenhum processo tenha "andado" enquanto Vale e Azevedo foi presidente do benfica e que todo "o mundo tenha descambado" mal Vale e Azevedo deixou de ser presidente, que é grotesco acreditar que ninguém mais no Benfica sabia dos crimes do presidente (a restante direcção, com José Capristano, António Sala, viviam onde?Na Lua?), que é manifestamente infeliz a escolha de algumas das suas vitimas para as burlas que cometeu (escolheu algumas pessoas com contactos "importantes"), tudo isto parece ser verdade, agora dizer que Vale e Azevedo foi injustiçado por ter sido julgado por um juiz do Benfica....por favor!

E se fosse um crime sexual?Ou envolvesse uma disputa religiosa?Se envolvesse disputa familiar?Então o juiz não poderia ser homossexual?Não poderia ter nada a ver com nenhuma Igreja? Era porreiro que não fosse divorciado? Não podia ser familiar de ninguém com algum tipo de cadastro?Já agora seria óptimo não ter vizinhos ou amigos envolvidos nalgum tipo de disputa,não?Ser perfeitamente asséptico, esterilizado mesmo?

A este ritmo ficamos sem juízes, tendo em conta os que já foram perdidos para o "mundo do Futebol"!

Mas estas declarações já fazem sentido por acaso...

 

Nota: finalmente,a partir do próximo orçamento do Estado todos os funcionários públicos terão acesso à ADSE, independentemente do vínculo que tenham com o Estado,parece-me da mais elementar justiça.

 

Adenda 1: A Comissão do Mercado de Valores Mobiliários, supervisor bolsista, acaba de entregar no Ministério Público uma queixa-crime contra o Banco Comercial Português (BCP).
Deve ser por falta de meios mas levam sempre meses e meses estas investigações, para não falar em investigações criminais que levam anos, isto é muito prejudicial para o sentido e até para o conceito de "justiça" na sociedade portuguesa.

Uma coisa que me faz pensar é se bastará "deitar recursos humanos e financeiros" sobre estas instituições que realizam inquéritos e investigações, bem como nas policias a quem  cabe a responsabilidade de investigar, para resolver estas "demoras" além do razoável.

Será que bastaria isso?Mesmo?

comentar

Marcelo Rebelo de Sousa afirmou hoje, em entrevista ao Rádio Clube Português que o PSD pode vencer as eleições” mas que o cenário para a governação será muito difícil com uma maioria relativa.
Rebelo de Sousa afirma ainda que está indefinido qual será o resultado da esquerda e do CDS-PP nas legislativas: “O Bloco e o PCP descem um bocadinho ou mantém? E o CDS-PP consegue resistir a Manuela Ferreira Leite?”. O comentador acredita que estas dúvidas ficarão esclarecidas até ao final deste ano.

O CDS/PP resistir a quem?MFLeite?Com uma liderança mais credível, menos populista, mais coerente, num registo assumidamente liberal ou assumidamente democrata cristão (de preferência o primeiro), seria MFLeite que deveria temer o CDS, mas com o Paulinho das Feiras ela pode dormir descansada para esse lado!

Estes comentários do Professor lembram-me este momento...

Não percebi a ideia da MFL nestas declarações (nem ela!), é mais ou menos como as obras supérfulas misteriosas mas que até foram aprovadas por ela há 4 anos (em formato XXL e com bónus da titularização de dívidas porreiramente porreira ao Citygroup....uma medida socialmente social diga-se) ou a transferência de fundos do TGV para "coisas sociais"....eu bem digo que os pequenos partidos terão muito terreno fértil em 2009!

Uma singela homenagem a toda a malta porreiramente porreira da JSD

Tags: , , ,
comentar

 'Ser melhor todos os dias, em todos os momentos’

 

 

O MEP obteve assinaturas de eleitores recenseados em cerca de 90 por cento dos concelhos do país, sendo que 55 por cento dos signatários são do sexo feminino, com os eleitores jovens (com menos de 30 anos) a representarem um terço do total.

 

Boa sorte e bom trabalho

 

Tags:
Sexta-feira, 27 de Junho de 2008
3 comentários

via 31 da Armada - Sofia Bragança Buchholz

Pesquisar
 
Contactos
camaradecomuns@sapo.pt

Editorial

Visitantes online

Comentários Recentes
Para mim casamento deve ser entre um homem e uma m...
Caro RFCom a modéstia com que foi escrito, podes t...
N sei q espirito deus aspirou pr a Africa. este co...
Mocambique està mais que tudo isto, sinto d...
e há cartas que nunca chegam.
Aguem colocou esta carta excelente na página de PP...
Τambém gosto de brincar aos pobrezinhos.NUNCA MAIS...
Τambém gosto de brincar aos pobrezinhos.NUNCA MAIS...
Everdade este pais precisa de um bom governador k ...
Casino EstorilA falta de escrúpulos veio para fic...
Tags

todas as tags

Links

Esquerda

5 dias
A barbearia do senhor Luís (Luís Novaes Tito)
A Busca pela Sabedoria (Micael Sousa)
A Forma e o Conteúdo (José Ferreira Marques)
A Forma Justa (Tiago Tibúrcio)
A Linha-Clube de Reflexão Política
A Nossa Candeia (Ana Paula Fitas)
Absorto (Eduardo Graça)
Activismo de Sofá (João R. Vasconcelos)
Adeus Lenine
Arrastão
Aspirina B
Banco Corrido (Paulo Pedroso)
Bicho Carpinteiro
Câmara Corporativa
Câmara de Comuns
Cantigueiro
Causa Nossa
Cortex Frontal
Defender o Quadrado (Sofia Loureiro dos Santos)
Der Terrorist (José Simões)
Entre as brumas da memória (Joana Lopes)
Esquerda Republicana
Hoje há conquilhas (Tomás Vasques)
Irmão Lúcia (Pedro Vieira)
Jovem Socialista
Jugular
Ladrões de Bicicletas
Les Canards libertaîres
Léxico Familiar (Pedro Adão e Silva)
Loja de Ideias
Luminária
Machina Speculatrix (Porfírio Silva)
Maia Actual
Mãos Visíveis
Mário Ruivo
Metapolítica (Tiago Barbosa Ribeiro)
Minoria Relativa
O Grande Zoo (Rui Namorado)
O Jumento
O Povo é Sereno
Raiz Política
Rui Tavares
Spectrum
Vias de facto
Vou ali e já venho (André Costa)
Vozes de Burros

Direita

31 da Armada
4R – Quarta República
A Arte da Fuga
A Douta Ignorância
A Origem das Espécies (Francisco José Viegas)
Abrupto (José Pacheco Pereira)
Albergue Espanhol
Alunos do Liberalismo
Blasfémias
Causa Monárquica (Rui Monteiro)
Clube das Repúblicas Mortas (Henrique Raposo)
Corta-fitas
Delito de Opinião
Era uma vez na América
Estado Sentido
Geração Rasca
Herdeiro de Aécio
Macroscópio
Menino Rabino (Marco Moreira)
Mercado de Limões (Tiago Tavares)
Minoria Ruidosa (Miguel Vaz)
O Cachimbo de Magritte
O Diplomata (Alexandre Guerra)
O Insurgente
Ordem Natural (Rui Botelho Rodrigues)
Palavrossavrvs Rex (Joaquim Carlos Santos)
Portugal Contemporâneo
Portugal dos Pequeninos
Psicolaranja
República do Caústico (João Maria Condeixa)
Rua da Judiaria
Suction with Valcheck
União de Facto

Outros

A Baixa do Porto (Tiago Azevedo Fernandes)
A Cidade Deprimente
A Cidade Supreendente
A Terceira Noite
Clube dos Pensadores (Joaquim Jorge)
De Rerum Natura
É tudo gente morta
Horas Extraordinárias (Maria do Rosário Pedreira)
Notas ao Café
O Diplomata
Arquivo

Abril 2015

Dezembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Março 2013

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Janeiro 2008